Um pouco da História de Águas Belas

Como surgiu?

Águas Belas surge a partir da expansão do gado no interior do Nordeste, em fins do século 17 e inícios do século 18. Esse período é conhecido como “ciclo do gado”. Aproximadamente no ano de 1700 João Rodrigues Cardoso e sua família chega à esta região para criação bovina.

As terras já eram ocupadas pelos nativos (indígenas), povos Carijós ou Fulni-ô, como descreve Olímpio Costa Junior (citado pelo professor Izaquiel Braz): “Não afirmamos, mas é de crer que seja os mesmos Caropotós, pois é admirável que esquecidos tenha permanecido ali em grande parte. Quanto à questão de mudarem de nome, não seriam os únicos. Não resta dúvida hoje, que os Carnijós ou Fulni-ô sãos os mesmo remanescentes dos Carapotós e dos Shocós”. Essas tribos ao se mudarem para o vale do São Francisco deixaram para traz alguns grupos ou famílias, que constituíram novos grupos, formando outra tribo com o que restou dos que foram embora. A esses os Tupis chamaram de Carijós. e se unificaram, já que estavam praticamente em extinção, e formaram o povo Fulni-Ô (que significa o “povo da margem do rio”, ou seja, o Rio Ipanema).

A emancipação política de Águas Belas vem em 13 de junho de 1871, ainda durante o Império, sendo designado seu primeiro prefeito o coronel Benigno Rodrigues Lins.

Os principais ciclos econômicos na história do município foram: o ciclo do gado, o do açúcar mascavo (cana de açúcar), o do algodão, o do feijão e o do gado leiteiro.

 



 

 

Páginas relacionadas
PREFEITURA MUNICIPAL DE ÁGUAS BELAS - Praça Nossa Senhora da Conceição, S/N, CEP: 55.340-000, Águas Belas-PE Telefone: (87) 3775-2440

Desenvolvido por